Vídeos

Investir em Elvas

Património Mundial

Eurocidade Badajoz-Elvas

Patrim. Cultural/Imaterial

Eventos

Sáb. Set. 16 | horas: 10:00 - 05:00PM
Exposição “Senhor Jesus da Piedade de Elvas - origem e manifestações da devoção”
Sáb. Set. 16 | horas: 17:00 - 06:00PM
Exposição de fotografia "São Mateus... sempre"
Ter. Set. 19 | horas: 08:00 - 05:00PM
Exposição "Sensações" na Casa da Cultura
Qua. Set. 20 | horas: 19:00 - 05:00AM
São Mateus 2017 - Praça da Feira
Qua. Set. 20 | horas: 19:00 - 05:00AM
São Mateus 2017 - Zona de Espetáculos
Dom. Out. 15 | horas: 09:30 - 01:00PM
29ª Meia Maratona Internacional Badajoz-Elvas

ver mais [+]

Area Informativa

phone
Apoio ao Munícipe
800 207 969
 
Files-Upload-File-icon
Sugestões para:
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Farmácias de Serviço

Plano Adopção de Animais

2as Jornadas PCI


Caracterização

Uma porta para a Europa

Elvas é quase milenar: em 1513, com D. Manuel I, é elevada a cidade. Desde então, tem sabido aliar a sua identidade muito especial com as relações profícuas com o resto da Europa. Em particular com a vizinha Espanha.
A singularidade deste concelho alentejano reside na sua localização fronteiriça, no seu clima ameno e paisagem intensa; nas suas potencialidades de acolhimento turístico, científico e comercial. A sua relação privilegiada com vários centros nevrálgicos de Espanha e Portugal faz de Elvas um dos mais importantes pólos de relações transfronteiriças e inter-regionais no contexto ibérico. Uma verdadeira Porta para a Europa.
O concelho de Elvas integra o distrito de Portalegre. Tem uma área de 631km2 e cerca de 25 mil habitantes. A cidade de Elvas, sede do Concelho, compreende 11 freguesias: Ajuda, Salvador e Santo Ildefonso, Alcáçova, Assunção, Caia e São Pedro no perímetro urbano, Barbacena, São Brás e São Lourenço, São Vicente e Ventosa, Santa Eulália, Terrugem, Vila Boim e Vila Fernando no perímetro rural.

Limites do concelho: o concelho de Arronches a Norte, o concelho de Campo Maior a Nordeste; os rios Guadiana e Caia a Este; os concelhos de Vila Viçosa, Borba e Alandroal a Sul e o concelho de Monforte a Oeste.

Zona Fronteiriça: apenas 8 quilómetros distam entre as cidades de Elvas e Badajoz.
- Bem-Estar
A saúde e o bem-estar físico são indissociáveis das actividades físicas de desporto e lazer. A cidade e o concelho de Elvas apresentam óptimos equipamentos para o serviço das populações e das empresas: Estádio de Atletismo, Gimno-desportivo, Piscinas Municipais, Polidesportivo descoberto, Polidesportivos nas freguesias rurais e bairros da cidade, Centro Hípico, Complexo de Ténis e Campos de Tiro.

- Viver a cultura
A cultura tradicional continua presente no viver contemporâneo: a originalidade do artesanato e da gastronomia, a força dos eventos festivos e religiosos.
Por outro lado, nos seus museus Elvas continua a saber preservar a textura da história, quer se trate de etnografia, da actividade militar ou da arte sacra - Museu Militar no Forte de Santa Luzia, Museu Militar e futuro Museu de Arte Sacra. A arte como testemunho do homem e das suas realizações.

A memória do património mais recente é igualmente objecto de cuidados - Museu Municipal de Fotografia. E, no presente, Elvas sabe como posicionar-se nos caminhos do futuro - recuperação e adaptação da Biblioteca Municipal à Rede Nacional de Bibliotecas Públicas e do Convento de São Francisco a Arquivo Histórico Municipal, e não esquecendo o Museu de Arte Contemporânea, que tem como missão elevar a oferta cultural da cidade, colocá-la no eixo de afirmação das manifestações mais dinâmicas da actualidade estabelecendo o diálogo regional e transfronteiriço, nacional e internacional que a arte e a cultura de hoje exigem.

A dinamização cultural tem na Casa da Cultura um dos seus expoentes mais significativos.
O recentemente inaugurado Coliseu José Rondão Almeida, espaço com enorme vertente cultural, desde a cultura musical, à cultura tauromáquica passando por várias modalidades desportivas.
- Onde é bom viver e trabalhar
Centro particularmente vocacionado para o desenvolvimento de investimentos empresariais em diversos domínios, Elvas oferece também outras características especialmente cativantes: um rico património natural, cultural e arquitectónico e elevados padrões ambientais (uma das regiões com melhor qualidade ambiental da Europa), e um conjunto de actividades e equipamentos nas áreas desportivas, sociais e culturais particularmente aptas para uma vivência saudável e culturalmente enriquecedora, tanto para os residentes, como para todos aqueles que a visitam ou optam por aqui se estabelecerem.

Dominando a planura dos vales a perder de vista os rios Caia e Guadiana, Elvas apresenta a quem a visita alguns dos mais imponentes símbolos da sua história: as muralhas seiscentistas, reforçadas pelos fortes da Graça e de Santa Luzia e a extraordinária obra de arte que é o Aqueduto da Amoreira.

O Centro Histórico - cidade museu de fortificações de várias épocas, com o seu Castelo e vestígios de muralhas árabes e fernandinas - delineia-se numa malha urbana erguida ao longo de séculos: casario popular e conventos, palácios, solares e uma multiplicidade de igrejas.

FaLang translation system by Faboba

   
  

Redes Sociais

FacebookTwitterRSS Feed
© 2012 Município de Elvas Todos os Direitos Reservados